Foto: Stênio Saraiva

A Prefeitura de Maracanaú, por meio da Secretaria de Infraestrutura, realizou nesta quinta-feira, 10 de agosto, a II Consulta Pública do Programa de Transporte e Logística – TransLog/BID de Maracanaú. O evento aconteceu no Auditório do IFCE Maracanaú, localizado na Avenida José de Alencar, e reuniu representantes dos Conselhos de Direitos, Ministério Público, Poder Legislativo, estudantes, comunidade, secretarias municipais e entidades civis.

A Consulta Pública faz parte do processo, iniciado em 2014, em que o Munícipio busca conquistar o financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento – BID para desenvolver o Programa Translog/BID de Maracanaú. Segundo o secretário de Infraestrutura, Caê Pessoa, a consulta é o momento para participação. “Este é um momento de colaboração, de construção da gestão pública. Além de cumprirmos com uma etapa exigida pelo Banco, estamos criando espaço para a participação da população. Queremos a colaboração de todos”, esclarece.

Durante o evento foi apresentado o Relatório Análise Ambiental e Social-AAS, um estudo do munícipio em seus aspectos ambientais e sociais, que busca identificar e qualificar o cenário socioeconômico e do meio ambiente físico-biótico da área de afetação das principais obras a serem realizadas na cidade de Maracanaú no âmbito do Programa. O documento se encontra disponível para download, no site da Prefeitura de Maracanaú, no link TransLog Maracanaú.

Foto: Stênio Saraiva
Foto: Stênio Saraiva

Saiba mais – O TransLog, através do financiamento do BID e recursos do Tesouro Municipal, representará um amplo e histórico investimento na infraestrutura e mobilidade urbana de Maracanaú. O Programa compreende obras de melhoria nos principais corredores (avenidas e ruas) da Cidade, interligação dos bairros periféricos com a Região Central do Município, integração dos diversos modais de transporte (ônibus, metrô e bicicletas, através das ciclovias e ciclofaixas) e otimização da logística para escoamento da produção dos Distritos Industriais.

Após contratado o financiamento junto ao BID, cuja a expectativa é de conclusão do processo ainda em 2017, Maracanaú entrará em um seleto grupo de representantes do Poder Público com acesso aos empréstimos internacionais. No Ceará, apenas Fortaleza e o Governo do Estado contam com financiamento do Exterior. Para conseguir essa captação financeira, o Município atendeu uma série de requisitos, entre os quais a austeridade fiscal, equilíbrio nas contas públicas e capacidade de pagamento, faltando apenas alguns documentos para contratação. Dentre as exigências estão às realizações de consultas públicas. A primeira Consulta Pública aconteceu no dia 5 de julho, pela manhã, no Auditório do Clube da Parceria, Pajuçara. (Alessandra Silva)