Maracanaú é destaque Nacional em Vigilância Socioassistencial

You are currently viewing Maracanaú é destaque Nacional em Vigilância Socioassistencial

O Diagnóstico de Socioterritorial de Maracanaú é destaque nacional na II Mostra de Experiências em Vigilância Socioassistencial. O município de Maracanaú, por meio da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, é destaque na II Mostra de Experiências em Vigilância Socioassistencial, entre os dias 19 a 21 de junho, em Brasília. A experiência compartilhada pelo município no encontro trata do Diagnóstico Socioterritorial Municipal, estruturado em três partes: Caracterização do Município e da Política de Assistência Social e outras correlatas; Pesquisa realizada com os usuários do Sistema Único de Assistência Social – SUAS; e Pesquisa com os Trabalhadores do SUAS. Representaram o município: Secretária de Assistência Social, Glauciane Viana, Coordenadora de Gestão do Sistema Único de Assistência Social – GESUAS, Kelma Cardoso e a Técnica de Vigilância Socioassistencial, Catarina Barros.

A II Mostra de Experiências em Vigilância Socioassistencial tem como objetivo principal identificar e dar visibilidade as iniciativas municipais e estaduais na área da Vigilância Socioassistencial, promovendo a valorização do trabalho das equipes técnicas que efetivam a Vigilância Socioassistencial no cotidiano, bem como incentivar e consolidar a implantação desta perspectiva de gestão em todo país. Nesta mostra o Ministério do Desenvolvimento Social – MDS busca uma melhor comunicação por meio da troca de experiências e o compartilhamento de soluções para situações-problemas que podem ser encontradas em diferentes territórios.

Serão 35 municípios e cinco estados para a apresentação das experiências, no citado evento promovido pelo Ministério do Desenvolvimento Social. “O Diagnóstico Socioterritorial de Maracanaú 2017 foi elaborado com um olhar atento da Vigilância Socioterritorial sobre a dinâmica das Unidades de Atendimento da Sasc, dos territórios, do município e sobre o prisma dos trabalhadores e usuários do SUAS. O resultado deste importante e rico trabalho subsidiou o Plano Municipal de Assistência Social referente ao período 2018 – 2021, no sentido do aprimoramento institucional, bem como dos serviços, programas e benefícios, além de nortear indicativos para fortalecimento da participação social e da governança”, Kelma Cardoso – Coordenadora de Gestão do SUAS.