Programação cultural e Casamento Comunitário marcam o último dia do São João de Maracanaú 2022

You are currently viewing Programação cultural e Casamento Comunitário marcam o último dia do São João de Maracanaú 2022

Após 17 dias de ampla programação cultural, com grandes nomes da música nacional e muita diversão, o São João de Maracanaú foi encerrado neste domingo, 19/06. A Cidade Cenográfica recebeu decoração romântica, para receber a etapa comemorativa do Casamento Comunitário no São João de Maracanaú 2022. Os noivos brindaram e receberam um diploma para marcar o acontecimento, ao som da Orquestra de Violinos da Casa Rodolfo Teófilo, regida pelo maestro Prof. Rogério. A emoção tomou conta de todos os presentes, que estavam assistindo a esse momento singular. No dia 4 de agosto, ocorrerá a fase legal, onde os noivos irão assinar e receber a Certidão de Casamento.

Para o casal Edilane Pinho e Douglas Evangelista, o casamento é a concretização de um sonho. “Eu estou muito feliz, pois já vivíamos juntos há 9 anos, quando apareceu essa oportunidade. Eu falei para ele que queria muito casar de verdade. É um sonho para mim!”, relatou Edilane. Já Felipe Evangelista estava entusiasmado por celebrar o matrimônio na Cidade Cenográfica. “Eu já queria casar e com um forrozinho, é bom demais!”, afirmou.

No fim da solenidade, o prefeito Roberto Pessoa felicitou os casais. “Este é um ambiente da cultura, da família. Todos os dias eu estou recebendo crianças, estudantes de Maracanaú, da rede pública e privada para participar desta festa cultural e folclórica que é o São João. Também tem o Santo Antônio que é o Santo Casamenteiro e em homenagem a ele vocês estão casando aqui hoje. Quero dizer que a Sasc está prestando toda a atenção necessária a esse evento. Parabenizo a todos vocês e os encontrarei no dia 04/08, para se Deus quiser, vê-los casados de fato”, salientou o chefe do Executivo Municipal. O vice-prefeito Neton Lacerda esteve presente no evento, além de demais secretários municipais e vereadores.

Logo após o Casamento, o forró começou no Palco Fabíola Teixeira com as Bandas Zu, Arrochados do Forró e Diassis Martins. Todos eles adotaram um repertório típico nordestino, interpretando sucessos de grandes nomes nacionais como Luiz Gonzaga, Jacksom do Pandeiro, Trio Nordestino, entre outros.