Indústrias, Cadeia da Construção Civil e Salões de Beleza reabrem hoje, 1º de junho, devendo seguir as regras, restrições e protocolos de segurança

You are currently viewing Indústrias, Cadeia da Construção Civil e Salões de Beleza reabrem hoje, 1º de junho, devendo seguir as regras, restrições e protocolos de segurança

A fase inicial (de transição) do Plano de Retomada Responsável da Economia do Ceará começa hoje, 1º, e prossegue até 7 de junho. Um total de 17 setores estão autorizados a funcionar em Maracanaú e em todo o Ceará, respeitando percentuais de trabalho presencial e os protocolos de segurança conta o Coronavírus (Covid-19), conforme o Decreto 33.608 publicado no último sábado, 30 de maio, pelo Governo do Estado. Paralelamente, o mesmo decreto estadual determinou o isolamento social rígido em Maracanaú e mais outras seis cidades (Caucaia, Sobral, Itarema, Itapipoca, Camocim e Acaraú) em virtude dos dados epidemiológicos do coronavírus. O isolamento social rígido é aplicado para a população em geral e demais setores que não estão autorizados a funcionar.

Veja a relação dos setores (com percentuais de trabalho presencial) autorizados a abrir a partir de hoje, 1º de junho: Cadeia da Construção Civil (30%) – lojas em sistema de delivery (não podem abrir) e obras com até 100 operários; Indústria química (30%); Fábricas de Artigos de Couros e Calçados (20%); Indústria metalmecânica (30%); saneamento e reciclagem (30%); Energia (20%); Indústrias têxteis e de roupas (20%); Comunicação, publicidade e editoração (30%); Indústria de artigos de escritório e manutenção industrial e Serviços de Apoio como Salões de beleza, Barbearias e Manicures por meio do agendamento de atendimento e sem aglomerações (30%); Artigos do lar – Fabricação de eletrodomésticos e artigos domésticos (30%); Agropecuária – obras de irrigação (30%); Fábricas de Móveis e madeiras (20%); Tecnologia da Informação – fabricação de equipamentos de informática (30%); Logística e Transportes – Metrofor, transporte rodoviário metropolitano na RMF (30%); Automotiva – Indústria de veículos, de transporte e peças (20%); Cadeia da Saúde (100%); Esporte – Treinos de atletas de esportes individuais, além dos clubes de futebol participantes da final do Campeonato Cearense de Futebol.

As empresas autorizadas a funcionar devem ainda seguir os seguintes horários de funcionamento:

Construção Civil e Indústria de Transformação: 7 às 17h

Serviços (excetuando atividades vinculadas a outras cadeias): 8 às 20h, ajustando as jornadas às características dos diversos segmentos

Administração Pública: 9 às 18h

Comércios: 10 às 16h

Outros setores de atividade: Serviços essenciais em funcionamento atualmente continuam com horário regular