Maracanaú terá Programação Especial da Semana da Mulher 2022

You are currently viewing Maracanaú terá Programação Especial da Semana da Mulher 2022

A Prefeitura de Maracanaú preparou uma programação especial para comemorar o Dia Internacional da Mulher. A comemorações terão início no dia 7 de março, as 10h, com Live Palestra sobre “O enfrentamento à violência contra a Mulher” e “O Empoderamento Feminino”, nas redes sociais da Prefeitura. No dia 8, às 9h, no Palácio Antônio Gonçalves, haverá a posse das Conselheiras do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM).

A Programação contará ainda com Sensibilização para o enfrentamento à violência contra a Mulher e Roda de Conversa com o tema: “A Mulher que faz Acontecer”, para as alunas do Projeto Criando Oportunidades. A Semana da Mulher 2022 será encerrada com Ato Show na Feira Maraca, na Praça da Estação, com a participação do “Grupo Cultural Desequilibrados”.

Confira abaixo a Programação Especial da Semana da Mulher 2022:

Segunda-feira, 7 de Março:

10h – Abertura da Semana da Mulher 2022 – nas Redes Sociais da Prefeitura de Maracanaú

10h – Live Palestra sobre “O enfrentamento à violência contra a Mulher”, com a Titular da Delegacia de Defesa da Mulher de Maracanaú, Dra. Rachel de Queiroz

10h – Live Palestra sobre “O Empoderamento Feminino”, com a Terapeuta Mônica Roseti, especialista em relacionamento profissional do desenvolvimento humano

Terça-feira, 8 de Março:

9h – Posse das Conselheiras do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM) – Palácio Antônio Gonçalves (Gabinete do Prefeito)

Quarta-feira, 9 de Março:

14h às 17h – Sensibilização para o enfrentamento à violência contra a Mulher, promovido pela Defensoria Pública Estadual. Local: Palhoça do Povo Pitaguary.

Quinta-feira, 10 de Março:

14h – Roda de conversa com tema: “A Mulher que faz Acontecer”, para as alunas do Projeto Criando Oportunidades – Rua 5, nº 128, Jereissati I

Sexta-feira, 11 de Março:

18h – Encerramento da Semana da Mulher com Ato Show na Feira Maraca, com a participação do “Grupo Cultural Desequilibrados” – Praça da Estação